Relaxamento - 31/05/2007
O carro mágica e a chuva ( Parte II- Avaliação)

Quais as emoções que você sentiu durante o passeio na chuva?

Senti muito frio e solidão:

Precisa trabalhar mais a segurança interior através de pensamentos positivos. Alivie essa sensação estando mais perto dos amigos e pessoas queridas. Em alguns momentos, podemos nos sentir assim mais solitários ou nostálgicos. Em alguns , pode ser lembrança de vidas passadas ou um estado emotivo temporário.

Meu pai estava dirigindo o carro vermelho.

Como está seu relacionamento com seu pai? O que vocês conversaram? Sua vivência virtual pode mostrar muito de como você atua no relacionamento com a figura paterna. Tente refletir sobre isso.

Minha mãe dirigia o carro.

Mãe é calor, ternura e proteção. Reflita sobre as figuras femininas na sua vida e , se você é mulher, como está no seu papel de mãe ou filha.

Meu amor dirigia o carro mas estávamos brigando.

Está numa fase legal com seu amor? Procure analisar melhor essa briga virtual. Talvez esteja reprimindo algo com relação ao amor.

Alguém desconhecido dirigia o carro.

Procure observar os traços dessa pessoa. Homem ou mulher? Velho ou moço? A conversa era amistosa? Qual era o assunto?

Quais eram as palavras proferidas por esse desconhecido? Pode ser seu próprio ego lhe aconselhando ou então seu próprio mentor.

O que essa pessoa desconhecida lhe aconselhava?
De acordo com o assunto, reflita sobre o que está precisando ser resolvido em sua vida.

Não consegui fazer a vivência e nem relaxar:

Tente novamente mais tarde. Você pode estar estressado ou disperso.

Meu chefe dirigia o carro:

O que conversaram? Foi uma conversa agradável? Daí você pode concluir o quanto sua vida profissional influi no seu dia a dia. Repita a vivência várias vezes até conseguir desabafar com seu chefe, mas depois tem que haver um acordo ou uma solução. Mais tarde, essa vivência poderá ajudá-lo a solucionar conflitos nos relacionamentos interpressoais.
O objetivo dessa vivência é melhorar a segurança interior e a confiança em si mesmo.




Sandra Cecília

 

Copyright © 2003-2009 Relax Mental
Sandra Cecília / Renato Augusto - Relax Mental - desde 13 de junho de 2003