Verinha Verdadeira - 01/08/2007
Você sabe o que deseja da vida?




Algumas pessoas se queixam da vida dizendo que são vítimas do destino. Sofrem muito. Não têm dinheiro e nem amor.

No entanto, através do meu olho clínico direto e verdadeiro observo algumas coisas: excluindo o karma pessoal aquilo que não podemos mudar( uma deficiência, a família pela qual reencarnamos,algumas doenças e infortúnios, tragédias pessoais) a nossa vida está em nossas mãos. Ou pelo menos quase em nossas mãos!

Não temos o controle absoluto sobre nossa vida. Ela está nas mãos de Deus. Você pode precisar exatamente quanto tempo viverá na Terra? Não, ninguém detém esse poder. Você pode precisar exatamente se amanhã estará vivo?????????Não!
Mas não devemos nos deter NESSE GRANDE DETALHE da vida. A vida requer certa dose de segurança pessoal e certo controle.

E, por esse motivo, nossa rotina mental, física precisa gerar hábitos e disciplina.

Acordar, escovar os dentes, tomar banho, ir para o trabalho, são rotinas que nos ajudam na segurança pessoal.

No entanto, algumas pessoas "despencam" emocionalmente com mudanças súbitas. Algumas mudanças são positivas , outras não. Aliás, sobre nosso ângulo canhestro. Porque sob a ótica holística tudo que nos acontece é para nos levar para a harmonia interior.

Compreendeu? Não? Leia novamente!

Precisamos ter poder de decisão para termos esse controle parcial da nossa vida.

E ,com o livre arbítrio escolher, ponderar e refletir.

Geralmente, nossas escolhas envolvem abrir mão de algo.

Deixar uma fase é uma perda. Abrir mão de comportamentos e atitudes negativos ou possessivos pode ser difícil.

No entanto, o deixar fluir nos amadurece.

O amadurecimento psíquico é garantia de serenidade.
Se você quer vencer na vida e ser feliz é preciso saber o que você quer exatamente da vida.

Isso!

Uma amiga minha estudou na faculdade. Depois de formada vivia se queixando de que não estava tendo sucesso na profissão. Cheguei a seguinte conclusão:

1-ela era totalmente indisciplinada
2-trabalhava quando queria
3-dormia muito
4-queixava-se demais e trabalhava pouco.

A outra amiga ligou pra minha casa aos prantos. Pensei que alguém havia morrido. Era apenas para me contar que seu nome estava sujo na praça. Não podia mais comprar a prazo em lugar nenhum e lidar com cheques.

Chorava tanto que dei um ansiolítico para ela. Mais calma ela começou seu relatório de queixas: nada dava certo para ela, o dinheiro chegava e ia embora...Eu fiquei só ouvindo.

A conversa esticou mais e eu com meu olho clínico devastador descobri mais coisas dela surpreendentes.

Gastava que nem uma louca.

Comprava quase tudo o que via. Emprestava cheques para amigos não tão amigos assim.

Não párava em emprego nenhum. Nada estava bom para ela.

Conclusão: Deus , a vida, o destino, o karma nada tinha a ver com seu desastre pessoal e sua vida caótica. O problema era com ela mesma. Administrava muito mal sua vida.

Um velho amigo se queixava das mulheres. Falava que não tinha sorte no amor. As mulheres o abandonavam.

Rastreando o homem através das minha conversa direta e verdadeira descobri que ele era muito egoísta, inseguro e muito ciumento.

E, talvez, por conta disso, nenhuma mulher ficava mais de um mes com ele.

Captaram? Pois é. Nós somos os responsáveis por nossas burradas e o pseudo azar atraído.

O que fazer? Bater no peito e dizer: "méa culpa, minha máxima culpa?" Chorar na cama que é lugar quente e culpar o destino? Pedir colinho para os amigos e se fazer de vítima?

Sem mudança de atitude? Nada vai mudar na sua vida se você não mudar seu padrão vibratório, seu comportamento e o modo de agir.

Não! Assuma as bobagens que você fez e aquelas que, por certo, ainda fará. Aprenda com elas. Tente não errar mais, mas se errar, toque sua vida para a frente.

Responsabilidade.

Concentração.

Disciplina.

Fé em algo superior.

Fé em si mesmo e na vida!


Reflita! Saiba o que você quer da vida, aonde quer chegar, o que conseguir.

Ou, pelo menos, O QUE NÃO QUER!

E aquela coisa que todos os psicólogos, psiquiatras falam:

CONTROLE EMOCIONAL

A emoção interfere demais em nossa vida.

Quanto mais emoção, mais drama.

Quanto mais drama , mais exagero.

E você perde tempo, energia e a vida se esvai.

Não sei a receita exata para o controle emocional. Administração do próprio medo é útil. Coragem. Confiança.

Batalho 24 horas por dia tentando ser melhor do que sou.

E não esquentando tanto a cabeça com coisas pequenas e bobas.

Sua mente: seu céu ou seu inferno.

Saiba o que você quer!

Vá direto ao ponto e lute!

Certeza absoluta não terá nunca da certeza dos seus planos, mas saiba que se PLANTOU um DIA IRÁ COLHER.

Pode até demorar, mas conseguirá!

Confie em Deus, confie em você!

Isso já basta!

Nos outros?

Confiando no seu taco, a falta de reconhecimento do outro não o abalará tanto.

Conduza o remo do seu barco e não deixa a onda levar você cada hora para um lado.

E a SABEDORIA fará milagres em sua vida!

Mas nunca será sábio totalmente. O dia em que se achar um verdadeiro sábio, estará orgulhoso demais para ser feliz!

A HUMILDADE está por trás dos verdadeiros sábios!


Tenha rumo!

Verinha Verdadeira


Sandra Cecília

 

Copyright © 2003-2009 Relax Mental
Sandra Cecília / Renato Augusto - Relax Mental - desde 13 de junho de 2003