Relacionamento - 29/09/2007
Porque elas gostam dos homens bem mais velhos.





Atualmente, os relacionamentos mudaram e a gente não se surpreende com mais nada. Homens muito mais velhos preferem mulheres mais jovens. Mulheres mais jovens namoram ou se casam com homens bem mais velhos.

O que está acontecendo? O homem mais velho tem um charme peculiar: estabilidade financeira, experiência de vida. Uma mulher mais jovem rejuvenesce.

Algumas mulheres estão cansadas de decepções amorosas com homens jovens ou da mesma faixa etária. Encontram pelo caminho um homem mais velho. Sedutor. Envolvente. Conta estável no banco. Carro bom para levá-la a passeios e viagens.

Esse relacionamento pode dar certo? Sim e não. Depende muito da sinceridade de sentimentos. Não há mal nenhum em escolher o parceiro que convém a você. Hoje em dia, o amor e uma cabana é uma história sem ibope. As mulheres estão mais práticas e independentes. No entanto, por trás desse perfil independente ainda mora uma mulher romântica e , às vezes, conservadora. O perfil de homem protetor e provedor ainda é bem atraente.

 As duas partes se ajudam mutuamente. Enquanto o homem mais velho oferece estabilidade financeira à mulher mais jovem, ela devolve em carinho e jovialidade. Enaltece o vigor masculino. Perante os outros homens ele se sente o mais viril. Afinal, está com uma mulher mais jovem. E, se está com alguém bem mais jovem, deve ser viril, sedutor. Encantador.

Agora, a convivência mútua pode melhorar ou um destruir um relacionamento. Ela não perdoa nenhuma falha.

Relacionamentos apenas baseados em valores superficiais como estabilidade financeira, beleza, encanto pessoal, podem desmoronar com a rotina e a vida real.

Afinal, a mulher jovem, bela, sarada também tem defeitos. Fica de mau humor e pode ter o ritmo pessoal bem diferente do homem mais velho. Enquanto ele prefere um programa calmo , ela deseja uma balada. Diferenças de temperamento e de modo de vida podem arruinar o relacionamento.

Você, mulher , tem todo o direito de procurar alguém que esteja de acordo com suas expectativas. No entanto, expectativas muito altas levam à mais completa frustração.

A acentuada diferença de idade parece fortalecer o relacionamento em alguns casos.

João, 76 anos, conheceu Joana de 40 anos. Ela estava desiludida do amor. Depois de dois casamentos frustrados, sentia-se solitária e infeliz. Os maridos estavam de acordo com sua faixa etária. No entanto, um deles a traiu. O outro era alcoólatra.

João não era rico ,mas tinha uma aposentadoria confortável. Começou a visitar Joana em sua casa. Era solidário e amigo. Ela adorava desabafar com ele. Chorou no seu ombro. Ele, sensibilizado, começou a ajudá-la.

Joana obteve apoio financeiro, carinho e ternura.
Em poucos meses, estavam morando juntos. Casal feliz. Costumam ir a bailes e festas com regularidade. Joana conheceu o amor responsável na pessoa de um homem da terceira idade. Ela o completa. Dedicada, responsável e carinhosa. Casaram-se no civil há uma semana depois de sete anos de vida em comum.

História de príncipe encantado? Amor incondicional? Não. No início, tiveram muitas dificuldades de adaptação e convivência. Mas um precisava do outro.

Aos poucos, o casal aparou as arestas e convive junto de forma harmoniosa. Seria um caso de amor? Parceria proveitosa? Seja o que for deu certo.

Mauro, 92 anos , conheceu Elisa , 60 anos, num baile de terceira idade. Ele, um idoso alegre e saudável, ficou encantado com o rosto bonito da "jovem senhora." Começaram a dançar toda semana. Em três meses estavam casados.

Laura, 35 anos, conheceu um senhor de sessenta anos numa festa. Era um executivo próspero , com vida estável e carro importado. Laura enfrentava sérios problemas financeiros. Sua fantasia era encontrar alguém que pagasse suas contas e lhe desse status e proteção.

Numa pesquisa da internet , ficou sabendo o alto salário do homem cobiçado. Jogou todas as fichas na sedução do homem envolvente. Agora, estão namorando.

Será que uma relação assim pode dar certo? O que impressionou Laura não foi o temperamento do senhor, nem a simpatia, mas apenas a conta bancária. Bem, o que começa mal pode terminar muito mal.

O executivo é experiente e , nas entrelinhas, poderá perceber o que deseja exatamente Laura. O que deseja esse homem maduro e experiente? Amor? Aventura? Bons momentos? Dependendo do que um espera do outro: sucesso ou fracasso do relacionamento.

Na relação homem-mulher nunca se sabe exatamente o desfecho. No entanto, a máscara vai cair um dia e, um deles , poderá sair magoado. Ou não. Depende do que esperam do relacionamento.



Beth, 38 anos, conheceu um homem de quarenta anos, divorciado, num chat de internet. Depois de um mês, conheceram-se num shopping center. Ele era bonitão e simpático, mas distante. Inacessível. Beth ficou desconcertada. Após o entusiasmo inicial, um silêncio desconcertante. Foram para um motel , mas a noite foi um desastre. O internauta não era carinhoso e nem envolvente. Beth estava saindo de um relacionamento de quatro anos. Queria atenção e carinho. O relacionamento com o internauta não deu certo.

Meses depois , conheceu num chat da internet, um senhor de cinqüenta anos. Mais tarde, num programa de conversa on line ela ficou sabendo da sua verdadeira idade: sessenta e quatro anos. Ficou assustada! No entanto, o sessentão foi muito paciente. Depois de três meses de conversa paciente no telefone, ele a convidou para sair. Falou que ela não precisava ficar preocupada, porque ele estava muito conservado. Encontraram-se. Beth simpatizou-se com ele de imediato. Ele a levou para jantar num restaurante simpático. Foi atencioso e refinado. Suas maneiras delicadas e a atenção impressionaram a mulher. Depois de uma semana de encontros freqüentes, fizeram amor. O sessentão foi carinhoso e paciente. Agora, quatro anos depois, continuam juntos e apaixonados.

O homem mais velho e experiente sabe ser mais carinhoso na hora do amor e do sexo. Qualidade em vez de quantidade. A saúde e o vigor é o objetivo desses coroas joviais. A cabeleira grisalha é um fator afrodisíaco.

No entanto, há um perigo. Algumas mulheres podem ver nesse coroa protetor a imagem do pai. Resolvem seus conflitos com o pai através desse relacionamento. Com o tempo e a rotina, a ficha pode cair. E o amor desandar por completo.

O que aproxima as pessoas é a atração física e as afinidades, gostos parecidos. Isso facilita a simpatia e aproxima o casal. Independe da faixa etária.

A maturidade psíquica nem sempre depende da idade. Homens mais velhos podem ser tão ou mais imaturos quanto jovens de vinte anos. A maneira de encarar o amor e o sexo nem sempre depende da faixa etária.

Percebeu o detalhe? Saúde e vigor. Os homens mais velhos estão mais saudáveis, esbeltos. Malham, dançam , cuidam da pele e do cabelo.

As mulheres também. Homem e mulher estão mais exigentes na escolha pessoal do seu amor.

Então, querida internauta, invista em sua beleza pessoal, no seu charme, se quiser cativar um homem mais velho. Aposte suas fichas numa conversa inteligente e na delicadeza. Lembre-se: o que vai aparecer durante o convívio será sua verdadeira essência. Escolha sempre a sinceridade.

Os homens estão mais exigentes. No entanto, como disse , Sérgio Savian( terapeuta ) numa entrevista na TV Cultura, "O Amor se baseia ainda na imperfeição."

O homem de barriguinha acentuada pela cerveja e calvície respeitável quer uma moça de corpo perfeito e sorriso cativante. Não vai se atrair por uma senhora madura de cinquenta anos. Forma pela forma. O amor baseado apenas na aparência.

E aí? As expectativas altas demais podem levar à frustração. O ser humano ainda é imperfeito tanto no aspecto físico, como no emocional e espiritual. Como exigir tanto se pouco tem a oferecer?


A diferença de idade não é empecilho, mas pode acrescentar cada vez mais ao relacionamento.


Diz o ditado: "Por fora, bela viola, por dentro pão bolorento."

Como disse alguém: "Um relacionamento tem que estar bom para os dois."

Escolha o amor e assertividade e não se preocupe com a idade!

Os nomes são fictícios.


Sandra Cecília

 

Copyright © 2003-2009 Relax Mental
Sandra Cecília / Renato Augusto - Relax Mental - desde 13 de junho de 2003